quinta-feira, 24 de abril de 2014

Métodos anticoncepcionais

Pessoal,

Quando a obstetra ou qualquer mulher engravida, depois do parto é preciso se proteger para que não aconteça uma nova gestação pelo menos no primeiro ano, quando os riscos de complicações seriam muito maiores.

E independente disso, qualquer mulher tem o direito de escolher quando quer engravidar e se quer engravidar. Hoje temos a disposição muitas opções de métodos anticoncepcionais.

Estive no Programa Consulta ao Doutor da RIT TV falando exatamente sobre esse tema.

Espero que seja útil!
Lembrando que todo anticoncepcional é um medicamento e deve ser tomado sob orientação e prescrição médica.

https://www.youtube.com/watch?v=cZsg7pVXn9Y


Abraços

Bárbara Murayama

Cólica menstrual e endometriose

Pessoal, em um dos últimos posts escrevi sobre TPM e o quanto isso atrapalha a vida de nós mulheres, em especial as mães e outra situação desagradável que tira nosso sossego são as cólicas menstruais.

Qual é a mãe que consegue brincar confortavelmente com seus filhos, trabalhar, fazer qualquer coisa, quando está com dor? E quando essas cólicas menstruais não melhoram com medicações comuns e principalmente são progressivas, é preciso ficar atenta, pois pode ser sintoma de endometriose.

A maioria das mulheres tem cólicas menstruais e não tem endometriose. Mas nem por isso não merecem atenção e tratamento.

Falei sobre esses temas em alguns programas, para quem quiser ver, seguem os links:

Programa Mulheres 

https://www.youtube.com/watch?v=dGpEQDAV3co

Programa A cara do Povo

http://www.andreamatarazzo.com.br/a-cara-do-povo/a-ginecologista-barbara-murayama-falou-sobre-endometriose-no-programa-a-cara-do-povo

Abraços

Bárbara Murayama

Grávida Moderna Salto alto pode? Monitor de batimentos do bebê pode?

Pessoal, não dá para negar que os tempos mudaram.

Eu nasci não existia nem celular. Hoje o Pedro se incomoda que a televisão de casa não é touch screen. Eles já nascem acostumados com a própria imagem em tempo real nas selfies que fazemos o dia todo com eles.

 A tecnologia dos celulares com todos os seus aplicativos não parece ter fim. (tenho um post antigo sobre aplicativos para getantes que já deve estar ultrapassado...hehehe...mas segue link
http://barbaramurayama.blogspot.com.br/2012/01/aplicativos-para-gestantes-e-maes.html).
Até monitorar os batimentos cardíacos dos bebês ainda na barriga estão querendo.

Mas isso se recomenda?
É saudável?
Falei para a Revista Crescer sobre o tema. Deem uma olhada!

http://revistacrescer.globo.com/Gravidez/Vida-de-gravida/noticia/2014/02/aparelho-permite-que-gravida-monitore-o-bebe-pelo-celular.html


Além disso, a modernidade das grávidas vai além do fato de serem antenadas em aplicativos e tecnologias em geral, precisamos estar lindas sempre! Cada dia mais vemos marcas de roupas especializadas em gestantes, mas tem um acessório que ginecologistas não gostam muito.  SALTO ALTO!

Vejam o que falei para a Crescer sobre o tema:

http://colunas.revistacrescer.globo.com/natura/2014/02/13/salto-alto-na-gravidez/

Abraços

Bárbara Murayama

TPM - Tensão Pré menstrual

Pessoal, quem tem sabe como esses desagradáveis sintomas podem nos atrapalhar na rotina diária. Quando temos filhos então, isso fica ainda pior. Os coitados podem acabar recebendo broncas desnecessárias por conta do mal humor da mãe. Além de brigas com marido e até prejuízo no trabalho.

Hoje em dia, com tantas formas de tratamento à disposição, não há mais porque ficar sofrendo todo mês.

Procure sua ginecologista e tire suas dúvidas.

Abaixo o link de uma matéria sobre o TPM para a qual colaborei.

http://www.disneybabble.com.br/br/rede-babble/sa%C3%BAde-e-bem-estar/tpm-como-amenizar-os-efeitos-dos-dias-mais-terr%C3%ADveis-do-m%C3%AAs

Abraços

Bárbara Murayama


Essure e histeroscopia

Pessoal, todos já sabem que uma das minhas áreas de grande interesse é a histeroscopia. Minha pós graduação envolve o tema, sou preceptora de histeroscopia para pós graduandos nessa área na Unifesp e outros cursos.

O Pedro quase nasceu fora de hora por conta dessa minha paixão. Quem acompanha o blog desde o início deve lembrar de que quando eu estava grávida fui fazer um aperfeiçoamento sobre o Essure - laqueadura histeroscópica na Espanha e tive uma ameaça de trabalho de parto prematuro por conta de tanto trabalho e andanças, maior sufoco! Mas ao final tudo deu certo! Pedro nasceu super brasileiro e o curso um sucesso!

Então, gosto muito de falar sobre esses temas e aqui algumas das últimas matérias que fiz sobre o isso.

Espero que gostem:

http://www.ciamaterna.com.br/saude/essure-anticoncepcional-permanente

http://dietaja.uol.com.br/o-que-e-histeroscopia/

Abraços

Bárbara Murayama

Posição ideal para o bebê nascer

Pessoal, hoje é dia de atualização virtual!!!

Depois de uns 2 meses sem escrever por conta de muito trabalho, hoje resolvi colocar o blog em dia entre uma consulta e outra aqui do consultório. Estive muito ocupada com projetos super bacanas para o Atendimento da mulher no Hospital 9 de Julho,onde sou uma das coordenadoras da equipe da Ginecologia:
- Retorno do PS de Ginecologia que funciona de segunda à sexta das 10 às 22h.

- Organização de Grupos de especialistas para melhor atendimento a todas as necessidades da mulher nas diversas áreas de ginecologia como endometriose, mioma, HPV, câncer, planejamento familiar, infertilidade, incontinência urinária.
E outros que logo passo para contar!

Mas voltado ao título do post...escrevi em minha coluna do Portal Minha Vida sobre o tema, que sempre gera dúvidas e discussões sempre.

Espero que gostem:


http://www.minhavida.com.br/familia/materias/17284-qual-a-posicao-ideal-para-o-bebe-nascer

Abraços

Bárbara Murayama

Higiene íntima feminina - O que pode e o que não pode?

Pessoal, o Pedro já está bem melhor. Ainda não pôde voltar a escola. Mas já estou trabalhando normalmente e muito!!Pegando o gancho do último post sobre nos cuidarmos. Não podemos esquecer também da higiene íntima.

Dados do IBGE dizem que 1 em cada 3 lares são sustentados por mulheres, que passam fora de casa em média 12 h por dia, com roupas pouco confortáveis e com poucas condições de realizar adequada higiene íntima. Mesmo quem não trabalha fora e passa o dia correndo para lá e pra cá por conta de filhos e casa, muitas vezes também não consegue se cuidar como devia, né?

Hoje existem muitos produtos no mercado e a verdade é que não há consenso na literatura médica de como deve ser exatamente a higiene dos genitais. Quantas vezes deve ser lavado, como e com que produtos. Então, a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia criou um guia para nos ginecologistas para nos guiar. Mas apesar de tudo, deve imperar o bom senso. Avalio as características pessoais e a rotina de cada mulher na hora de escolher produtos.
Aqui dois links de entrevistas em que falo sobre esse assunto.


http://www.oestesom.com.br/portal/mulheres/sabonete-intimo-e-essencial-para-a-saude-vaginal-ou-faz-mal

http://www.radioandaiafm.com.br/index/entretenimento/id-28308/cuidados_com_a_roupa_intima__lavar_no_chuveiro_ou_na_maquinae_63

Espero que seja útil!!

Abraços

Bárbara Murayama